Como saber se seu cachorro é feliz

Antes de falar a respeito de cada um dos sinais que distinguem um cachorro feliz de um cachorro um pouco triste, estressado, deprimido, ou assustado, é importante compreender o que é bem-estar animal.

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1

Você sabe como é possível descobrir se seu cachorro está feliz?

Antes de falar a respeito de cada um dos sinais que distinguem um cachorro feliz de um cachorro um pouco triste, estressado, deprimido, ou assustado, é importante compreender o que é bem-estar animal.

Bem-estar animal é o “estado de espírito” que um animal apresenta em relação ao ambiente ao seu redor.

Um animal goza de bem-estar quando:

  • Estiver bem hidratado e bem alimentado;
  • não sente nenhuma dor física ou desconforto;
  • não passou por nenhum tipo de situação traumática;
  • não estiver doente;
  • não passou situações que envolvem estresse ou provocam medo;
  • ele consegue expressar naturalmente todos os seus padrões de comportamento, ou seja, se você consegue interagir com seu pet com total liberdade, sem que ele apresente nenhum tipo de alteração em seu comportamento.

Mas como saber se meu cachorro está feliz?

Para saber se seu cachorro está feliz é importante ter certeza de que ele tem disponível tudo o que é necessário para seu bem estar. No entanto, não é tão simples assim. Às vezes, mesmo um cachorro que tenha tudo o que necessita para estar bem e feliz, pode apresentar algum problema. Observe neste artigo, se seu cachorro tem tudo o que necessita para ser feliz e aprenda como identificar se há algo irregular com sua mascote. Analise atentamente seu comportamento, através dos tópicos abaixo:

Seu cachorro está com um apetite normal?

Cachorros são conhecidos por seu apetite voraz. Geralmente somos incapazes de avaliar se de fato estão com fome, ou simplesmente estão sendo gulosos ao pedirem mais comida. É importante ter bom senso ao avaliar o apetite de seu cão e ninguém melhor do que você pode fazer isso. Se você oferece ao seu peludo ração seca de boa qualidade na proporção adequada ao seu tamanho, e à sua idade, você perceberá facilmente se há algo diferente na porção em que ele está consumindo. Se houver alguma mudança, isso pode ser um sinal de alerta de que algo não está normal. Para quem oferece ao cachorro uma alimentação natural, ou seja, uma comida caseira preparada especialmente para ele, é sempre muito importante respeitar as proporções de proteína, carboidratos e vegetais diárias, de acordo com o peso, idade e atividade física. Quando um cachorro se alimenta com comida caseira, ele pode acabar exagerando na quantidade, devido ao sabor e aroma ainda mais atraentes, com isso, fica mais fácil ele acabar comendo além do que necessita, o que pode acabar gerando problemas de compulsão alimentar. Se você utiliza alimentos industrializados úmidos na alimentação de seu cachorro, também pode acontecer o mesmo problema de superalimentação que cães com dieta natural estão suscetíveis, devido a uma alta palatabilidade deste tipo de comida. É por este motivo que é extremamente importante não deixar comida à vontade para seu cachorro e oferecê-la em horários regrados, ao menos duas vezes ao dia. Se achar adequado, você pode oferecer um pouco menos de alimento durante as refeições e oferecer lanches rápidos entre as refeições. Muitas pessoas optam por cenoura e frutas, mas você também pode utilizar snacks como petiscos para hora do lanche. Cães de raças de grande porte, podem se beneficiar bastante com refeições menores e mais espaçadas já que estão mais predispostos a apresentar torção gástrica.

Seu cachorro tem água disponível à vontade?

Cachorros, ao contrário das pessoas, possuem um imenso prazer ao ingerir água. Isso se deve a uma inteligência do organismo do cão. Supostamente esta capacidade de saborear água evoluiu com os lobos como uma forma do corpo manter os fluidos internos em equilíbrio, depois que o animal comeu alimentos que resultam em maior volume de urina ou que exige um maior volume de líquido para ser processado adequadamente.

A sede também é um importante estímulo para o animal, não só durante os dias mais quentes, mas ao longo do ano. Por isso é fundamental manter um recipiente higienizado com água limpa, sempre disponível para seu cachorro, de preferência, fresco. Mesmo que você possa ter visto seu cão chafurdar seu focinho feliz em poças de lama, isso não significa que ele deva consumir uma água que não seja própria para o consumo de pessoas. Fique certo que devido ao seu paladar aguçado pela água, ele sempre irá ficar mais feliz se ela estiver limpinha e fresquinha.

Seu cachorro está saudável? Ele parece cansado?

A doença é o maior causador de estresse que pode afetar seu cão. Se você já teve um cachorrinho que não estava se sentindo muito bem, irá se identificar imediatamente com o que estamos falando aqui. Quando o cachorro está doente ele não brinca, não come, geralmente passa o dia todo sozinho em um cantinho para não ser incomodado. Se seu cão estiver apresentando um comportamento como este, a primeira coisa que você deve fazer é levá-lo a um veterinário para fazer exames, no intuito de avaliar seu estado de saúde. Mesmo que você não consiga identificar um motivo que possa indicar que ele esteja sentindo dor, um cachorro que se isola é sempre um indício de que ele está com algum tipo de mal estar e isso necessita ser investigado.

Você costuma deixar seu cachorro amarrado?

Um cão amarrado durante todo o dia, ou parte do dia não está feliz! Um cão nestas circunstâncias pode até parecer confortável, mas esteja certo de que esta condição nunca fará que ele esteja de fato contente com sua situação. Os cães são seres muito sensíveis, que se adaptam mais fácil a situações incomodas do que os seres humanos, mas isso não significa que eles não estão sofrendo com isso. Animais não devem ficar acorrentados em nenhum tipo de circunstância!

Você costuma passar um tempo com seu cachorro para que ele possa brincar e se divertir?

Não há nada melhor para um cachorro do que um agradável passeio no parque ou brincar com você correndo pela casa. Tomar um delicioso banho de Sol ao seu lado, com seus brinquedos favoritos, pode significar, em termos de comportamento, a receita de felicidade. Para que um cachorro tenha uma vida dos sonhos, coisas simples como um banho de Sol, brincadeiras e companhia, são sinônimos de alegria. A brincadeira não é apenas importante para a boa formação de um filhote, também é importante para gastar energia e aprender comandos. Brincar diariamente com seu cachorro é uma maneira de fazê-lo interagir com você, de se relacionar com você, o que é fundamental para criar um vínculo indissolúvel entre vocês. Quando você brinca com seu cão, fica muito fácil perceber como é gratificante tê-lo em sua vida e fica claro o quanto você se torna indispensável na vida dele.

Você tem um cachorro medroso/assustado?

Se seu cachorro se assusta a todo momento, ele não está feliz! Quando um cachorro manifesta sinais de medo em direção a um estímulo visual, cheiro, pessoa ou som, com que teve a oportunidade de entrar em contato, as posturas que o cachorro manifesta quando sente-se em perigo, podem estar sugerindo um estado de medo. Respostas comportamentais como a tendência de fugir, ou se esconder a fim de evitar o estímulo que o assusta, também sinalizam que algo está assustando seu cachorro.

O medo nos cachorros pode ter várias causas, incluindo também as experiências negativas que o cachorro possa ter vivenciado em algum momento e estas experiências, por algum motivo, deixaram uma espécie de “marca” que é claramente observada nas atitudes que o cachorro manifesta. Uma vez que o cachorro identifica um determinado estímulo, sendo de alguma forma desagradável, ou perigoso, dentro da sua concepção de realidade, ele tende a evitar estas situações, na intenção de se preservar.

Portanto, se você tem um cachorro medroso ou assustado, é importante passar algum tempo com ele, a fim de identificar o que está assustando seu cachorro.

É fundamental ter atenção a comportamentos que tenham sido originados por medo, pois eles podem evoluir de diversas maneiras diferentes, levando o cachorro a comportamentos que variam desde agressividade, podendo chegar a causar problemas de saúde devido a alta taxa de stress, como gastrite e problemas de dermatite por lambedura (eczema úmido).

Lembre-se, o stress é o pior inimigo para a felicidade de pessoas e cachorros.

Quais comportamentos indicam que meu cachorro está feliz?

Latir

Para os cães é essencial ter liberdade para latir (dentro de um nível aceitável, é claro!).

Latir é a maneira dos cachorros de se comunicarem com você e com o mundo ao seu redor. Cães, durante séculos tem desempenhando uma parceria muito concreta com as pessoas em toda a história humana, e a finalidade primordial da espécie é proteger as pessoas, portanto se você não permitir isso a ele, poderá torná-lo menos feliz.

Embora pareça exagero, a verdade é que proteger sua família é a base da natureza canina.

Cavar

Seu cachorro cava enormes buracos no chão, estragando todo o jardim? Isso é um sinal de que seu cachorro está feliz! É muito chato, mas cavar é um comportamento inato e cães felizes “devem” cavar.

Cavar é uma atitude herdada dos ancestrais da espécie, os lobos. Eles cavam para passar o tempo, para cheirar a terra úmida, extraindo minerais da terra, que podem talvez estar faltando em sua alimentação. Eles cavam para se aquecer e até mesmo para se refrescar. Eles cavam para guardar seus brinquedos e fazem tudo isso por instinto. Cães são como crianças, não devemos deixá-los fazer tudo o que desejam, mas podemos abrir mão de algumas coisas que nos incomodam para deixá-los felizes.

Abanar o Rabo

Todo mundo que tem um cão, sabe que quando ele está abanando o rabo, em geral está demonstrando que está feliz. Existe, é claro, alumas situações em que um cachorro está abanando o rabo devido a outros estados de humor.

Oferecer a barriga para ganhar carinho

Somente cães felizes, sem nenhum tipo de dor ou desconforto e com plena confiança em você, viram a barriga para ganhar carinho. Esta é uma posição que deixa o animal completamente vulnerável e também é uma maneira que ele têm para comunicar que estão confortáveis e confiam completamente na pessoa que está ao seu lado.

Correr

Seu cachorro corre como um maluco pela casa? É fácil deduzir que este é um comportamento típico de felicidade. Cães mais novos tendem a ser mais agitados e por isso podem correr mais do que os cachorros mais velhos. Cães mais pesados podem acabar correndo menos, sem que isso seja um indicativo de que ele não está feliz. No entanto, todo cachorro quando dá uma pequena corridinha, mesmo que bem discreta, está comunicando um sentimento de felicidade.

Cada cachorro tem uma forma particular para se comunicar com sua família. Dormir bem, demonstrar relaxamento, manter a rotina, geralmente são comportamentos que indicam que seu cachorro está feliz.

O que posso fazer para garantir que meu cachorro seja mais feliz?

Você costuma dar banhos regulares em seu cachorro?

Cães, diferentes de gatos, não fazem a higiene regular lambendo seus pelos. Não totalmente. Por isso é importante que você se preocupe com isso. A higiene é fundamental para manter o cão saudável e alegre. você precisa apenas se concentrar na maneira adequada de dar banho, respeitando a temperatura ambiente, secando bem o cachorro, não permitindo que entre água nos ouvidos.

Seu cachorro tem um canil adequado?

Um cachorro não precisa de um palácio para viver e ser feliz. Mas precisa de um espaço reservado para ele, que seja limpo e confortável, um cantinho quente no inverno e fresco e seco no verão, que seja protegido do sol e da chuva. Claro que se você permitir que seu cachorro tenha a liberdade de ficar dentro de casa, ele provavelmente escolherá um cantinho bastante confortável no sofá da sala. Se estiver tuto bem para você, isso não é um problema. Se preferir que ele não suba no sofá, mas não se importe que ele fique ao seu lado no tapete da sala, basta impor os limites, desde cedo, para que o filhote não se acostume com algo que não poderá fazer depois de adulto.

Se você está feliz, seu cachorro também será feliz. Você está feliz?

O que isso significa? Isso significa que se você está feliz em estar com seu cachorro e seu relacionamento com ele é calmo e equilibrado, você pode ter certeza que seu cachorro irá fazer de tudo para que você o veja com um olhar feliz e uma calda abanando. Os cães são animais empáticos, ou seja, sentem o que você está sentindo.

Claro que a vida do dia a dia não é sempre um mar de rosas, mas se você me permitir dar um conselho, sempre que você chegar em casa e ver que seu peludo está correndo ao seu encontro, não deixe de desfrutar de seu carinho, mesmo que você não queira sujar a sua roupa.

Encontre uma forma de corresponder o amor que ele sente por você. Ele está dizendo que te ama, e isso é o tipo de coisa que não deve deixar de ser correspondido.

E agora, você já descobriu se seu cachorro é feliz?

Cada cachorro é diferente. Para nós, ter um cachorro é um aprendizado contínuo e é sempre fundamental aprender a interpretar a linguagem corporal canina, a fim de descobrir se ele está bem.

Com informações do Blog do Cachorro

Classificação Geral (0)

0 de 5 estrelas

Postar comentário

Anexos

termos e condições.
  • NENHUM COMENTÁRIO POSTADO
    SEJA O PRIMEIRO!

Mais Dicas

Comentários

AJ
Olá boa noite vc ainda tem os gatinhos que vc mencionou no comentário?
Segunda, 26 Jun 2017, 1:15   
ELE VAI PAGAR PELO QUE FIZER -
Sexta, 23 Jun 2017, 15:29   
Quero denunciar maus tratos contra animais Rua Luiz Durand 235 bairro João Goula...
Sexta, 23 Jun 2017, 13:09   
Boa tarde,
Tenho uma gata e estávamos esperando passar o primeiro cio para cas...
Quinta, 22 Jun 2017, 16:35   
quero adotar um pinche, se voces tiverem
Quinta, 22 Jun 2017, 8:29   
Parceiros Colaboradores
  • Restaurante Tomato
  • Pet House
  • Pet of Dreams
  • Criar Centro Veterinário
  • Hotel Pet Arca de Noé
  • JC Adestrador
  • Clin Pet Veterinária

Newsletter

Assine a nossa Newsletter para receber os informativos da APIPA.
Cadastre-se agora. É gratuito!

Seja um sócio da APIPA

Associando-se à APIPA você vai estar praticando uma importante ação em benefício dos animais desprotegidos.

Seja um voluntário da APIPA

Venha colocar em prática as suas habilidades e o seu talento, em benefício dos animais carentes. Saiba como...