All for Joomla The Word of Web Design

Guarda Responsável de Animais: assumindo uma vida

Guarda responsável são todas as ações que envolvem cuidar bem do animal, provendo alimentação adequada, abrigo, saúde, atenção, segurança, entre outros cuidados que visem o bem-estar do pet. Construir um mundo onde humanos e animais vivam em harmonia é responsabilidade de todos. Faça sua parte.

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1

Guarda responsável são todas as ações que envolvem cuidar bem do animal, provendo alimentação adequada, abrigo, saúde, atenção, segurança, entre outros cuidados que visem o bem-estar do pet. Construir um mundo onde humanos e animais vivam em harmonia é responsabilidade de todos. Faça a sua parte.

A guarda responsável faz pets mais felizes e também ajuda a evitar que mais animais sofram nas ruas. Ao vacinar e esterilizar seu animal de estimação, você evita que outros sejam mortos por programas de controle de população animal cruéis e desumanos. Cuidar de um cachorro, ou de um gato, é um compromisso para toda a vida do animal, que pode variar entre 10 e 15 anos. A pessoa que acolhe um animal deve ter a responsabilidade de assegurar seu bem-estar. A sua falta de comprometimento pode levar ao abandono do pet, agravando ainda mais o problema da superpopulação de animais de rua nas comunidades.

A decisão de assumir um animal

Quando se decide assumir um animal, tem que se levar em consideração várias responsabilidades e implicações que virão junto com ele.

Jamais se deve adquirir um animal por impulso. É muito comum as pessoas se encantarem à primeira vista com alguns animais, principalmente filhotes, não levando em consideração nada que implique nos cuidados que ele precisará, no trabalho para cuidar, se ele irá crescer muito, expectativa de vida, etc.

Quando se toma a decisão de ter a companhia de um bichinho, devemos avaliar que tipo de animal queremos e podemos ter em casa. Se um cachorro ou gato, qual tamanho, quais as características de comportamento, entre outros aspectos.

Se você tem pouco espaço na sua casa, não poderá manter um cão de grande porte, visto que este precisa de uma área maior para se movimentar. Tudo isso é muito importante e faz parte do bem-estar do animal.

Se você passa muito tempo fora de casa, procure um animal que não necessite de companhia constante. Se tiver crianças, o ideal são animais que gostam de interagir com elas.

De qual quer forma, a decisão de assumir um animal deve ser tomada em acordo com todos da família ou que residam no mesmo local onde ele irá viver.

O que levar em consideração antes de assumir um animal

Espécie: cão ou gato. Existem muitas diferenças nos cuidados com diferentes espécies. Procure informar-se das necessidades de cada animal e qual melhor irá se adaptar às suas condições.

Características: mesmo os animais da mesma espécie, podem possuir características diferentes. Os cães, por exemplo, podem diferenciar-se em tamanho, necessidades ou personalidade. Para se ter uma ideia, os cães de grande porte precisam de mais espaço; os com pelos longos precisam de maiores cuidados; já os pets mais agitados precisam de mais atividades. Algumas raças podem apresentar tendência a problemas específicos de saúde e, por isso, necessitam de maior acompanhamento veterinário. Procure informar-se de todas as características, certificando-se de que vai ter condição de oferecer o que cada um necessita para ser feliz.

Cuidados básicos para a Guarda Responsável de um pet

  • Prover alimento de qualidade, que supra as necessidades nutricionais do animal. Alimentar em intervalos corretos, de tal forma a não deixá-lo passar fome. Procurar orientação de um veterinário para saber a forma adequada de alimentação para seu animal.
  • Vermifugar e vacinar de acordo com orientação do veterinário.
  • Esterilizar, providência também conhecida como castração, traz benefícios para a saúde do seu pet, além de evitar a superpopulação e o abandono dos animais.
  • Prevenir e eliminar parasitas como pulgas ou carrapatos.
  • Manter o animal em local limpo e adequado, protegendo-o do Sol ou chuva.
  • Trocar a água pelo menos duas vezes ao dia, evitando contaminação.
  • Manter sempre limpas as vasilhas de água e comida, e deixá-las longe do local onde o animal faz suas necessidades fisiológicas.
  • Não manter o animal preso em correntes ou locais pequenos.
  • Prover higiene adequada dando banhos periódicos, de acordo com a necessidade do animal.
  • Não deixar o animal sair sozinho na rua. Mantê-lo em local seguro que não propicie fugas.
  • Não bater, agredir ou maltratar o animal. Isso é crime previsto em lei federal.
  • Corrigir o comportamento de um animal deve ser feito através de adestramento comportamental, jamais por meio de castigo.
  • Reservar um tempo para dar atenção ao seu animal, seja brincando, dando carinho ou passeando.

Algumas considerações importantes

Ninguém é dono de um animal. Vidas não são propriedades. Você é um tutor, o que significa que tem a responsabilidade de amparar, cuidar e proteger.

Caso o tutor não exerça corretamente a Guarda Responsável do animal, poderá perder a tutela deste, caso se comprove maus-tratos, podendo ainda ser responsabilizado criminalmente.

Assumir um animal é um compromisso por toda a vida do ser acolhido. Qualquer mudança que venha ocorrer na sua vida, deve levar em consideração a guarda do animal. Se você vai mudar-se de residência, não pode simplesmente abandonar o animal alegando que na nova casa não haverá espaço para ele. Abandono de animais é crime federal passível de multa e cadeia.

Mudança de residência, nascimento de um filho ou situação financeira, não são motivos para se desfazer do animal. Lembre-se, você assumiu uma responsabilidade e deve cuidar para ajustar a sua vida em consonância com a guarda do animal, adequando-se às novas circunstâncias sem causar-lhe sofrimento.

Pessoas não estão obrigadas a ter a guarda de animais, mas, quando se toma essa decisão, deve-se estar consciente de todas as responsabilidades inerentes à guarda responsável de animais domésticos, que jamais podem ser negligenciadas. Vidas não são descartáveis. Esteja ciente!

Para adotar um amiguinho em Teresina, PI, conheça o abrigo de animais carentes da APIPA.

CNPJ: 10.216.609/0001-56 | APIPA® - ASSOCIAÇÃO PIAUIENSE DE PROTEÇÃO E AMOR AOS ANIMAIS
Rua Trinta e Oito, 1041 - Loteamento Vila Uruguai - Bairro Uruguai (próximo à UNINOVAFAPI)
Teresina, PI - CEP 64073-167 - (86) 98846-8020 - Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. - MAPA
Horário de visitação: das 14 às 16 horas, todos os dias, inclusive feriados.

Com informações de Aki é o Bicho

Anúncio da APIPA | 28/SETEMBRO/2018

Ajude agora! APIPA precisa de VERMÍFUGOS

Amigos da APIPA, chegou o período de vermifugação nos canis e gatis do abrigo. Pedimos que nos façam doações destes medicamentos, pois não dispomos de recursos financeiros para comprá-los. Doações podem ser entregues no abrigo e em outros pontos de coleta em Teresina. Mais informações com Isabel Moura (86) 99951-0201 e Jane Haddad (86) 99924-1818..
CONFIRA DOS DETALHES

Classificação Geral (0)

0 de 5 estrelas

Postar comentário

Anexos

termos e condições.
  • NENHUM COMENTÁRIO POSTADO
    SEJA O PRIMEIRO!

Mais Dicas

Comentários

Acabei de ver em Jeri uma cadelinha com a pata quebrada, gostaria de saber mais ...
Segunda, 15 Out 2018, 8:56   
cuidado o mundo e pequeno. aqui se faz aqui se paga.
Terça, 9 Out 2018, 14:30   
Senhora Bruna da Silva, se possível, faça uma filmagem e/ou tire fotos do local ...
Sábado, 6 Out 2018, 6:33   
URGENTE: Há um cachorro Boxer branco, está só pele e osso com ferimentos na pern...
Quinta, 4 Out 2018, 15:39   
Pense numa praga pra fazer barulho esse cão dos infernos ai. Pq diabos essa velh...
Terça, 2 Out 2018, 4:46   
Parceiros Colaboradores
  • Restaurante Tomato
  • Pet House
  • Pet of Dreams
  • Criar Centro Veterinário
  • JC Adestrador
  • Clin Pet Veterinária

Newsletter

Assine a nossa Newsletter para receber os informativos da APIPA.
Cadastre-se agora. É gratuito!

Seja um sócio da APIPA

Associando-se à APIPA você vai estar praticando uma importante ação em benefício dos animais desprotegidos.

Seja um voluntário da APIPA

Venha colocar em prática as suas habilidades e o seu talento, em benefício dos animais carentes. Saiba como...